Fox Eyes: entenda o procedimento que promove um efeito lifting na sobrancelha

Se você adora acompanhar as tendências de beauty, provavelmente  já ouviu falar no “Fox Eyes”, conhecido como “Olhar de raposa”. O olhar alongado ganhou as cadeiras dos maquiadores com técnicas de luz, sombra e traços, e agora chega ao universo da estética com procedimento que se assemelha ao resultado obtido por meio de delineado feito para estender o olhar e dar o efeito gatinho na maquiagem.  Mas como o procedimento  funciona?

Segundo o dermatologista Amilton Macedo,  que atua na área de Medicina Preventiva e conta com mais de 28 anos de carreira,  o novo procedimento estético  promove um  lifting de sobrancelha,  no qual  a ponta externa fica mais alta do que o centro, ajudando a abrir o olhar e contribuindo para amenizar as rugas nos cantos dos olhos e linhas horizontais na testa, além de promover a harmonização facial. “O Fox Eyes tem como objetivo elevar a cauda da sobrancelha, provocando uma angulação na região do canto dos olhos. Existem algumas técnicas possíveis para obter o efeito, e o dermatologista vai escolher a técnica de acordo com a necessidade de cada paciente”, explica o especialista.  

Máxima · UAU! Flávia Pavanelli faz procedimento estético para ter ...

Por exigir habilidade na execução, é recomendado que procedimento seja realizado por dermatologista ou cirurgião plástico, para evitar a queda da pálpebra superior, hematomas e infecções na pele. Entenda cada uma das técnicas usadas para obter o Fox Eyes:

Toxina botulínica (botox): é aplicada na cauda da sobrancelha e na região lateral dos olhos para elevar a extremidade externa  e promover o relaxamento de musculaturas específicas, o que contribui para o efeito desejado.

Ultrassom macro e microfocado: proporciona um efeito mais natural. O equipamento promove pontos de coagulação internos que causam a contração e consequente elevação muscular que desloca levemente a extremidade externa da sobrancelha para cima. 

Laser Fotona: o equipamento utiliza uma combinação exclusiva de dois comprimentos de onda que trabalha a região dos olhos, supercílios e região frontal. O tratamento oferece uma alternativa a lifting da face não cirúrgica e não invasiva que traz resultados naturais e duradouros.

Radiofrequência monopolar: existe uma técnica em que fazemos um “c” na região dos olhos, com isso o equipamento é aplicado na região orbicular e frontal, projetando  o olhar.

Fios de PDO: são fios de sustentação absorvíveis aplicados com agulhas específicas na região em que se deseja tracionar, deslocando levemente a extremidade externa da sobrancelha para cima, promovendo essa elevação da cauda.

Você pode gostar também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*